Fazenda Antuérpia Mineira


Fizemos uma visita a Antuérpia. Não, não fomos à Bélgica. Visitamos a Fazenda Antuérpia Mineira, cujo nome é uma homenagem a segunda maior cidade de mesmo nome, localizada na Bélgica. A Fazenda Antuérpia Mineira foi construída na zona rural do Paraíso, provavelmente no final do século 19.

A origem do nome

O nome Antuérpia tem origem em uma lenda do folclore belga. Um gigante chamado Antigoon morava perto de um rio, chamado Escalda. Ele cobrava pedágio de quem quisesse atravessar o rio; os que se recussavam a pagar, tinham uma das mãos cortada e atirada ao rio. Certo dia, porém, um soldado romano, Sílvio Brabo, matou o gigante; em seguida, cortou e atirou uma de suas mãos ao rio, a qual foi parar em uma das margens. Foi nesse ponto que teria surgido a cidade de Antuérpia (" mão arremessada" em neerlandês). A estátua de brabo, arremessando do gigante, está localizada frente à câmara municipal antuérpia.
Pois o sr. Alvino esteve em Antuérpia, na Bélgica; ele gostou tanto que decidiu adotar o nome para a sua fazenda.

D. Gertrudes

O fundador da fazenda foi Alvino Alves Ferreira Mendes. Ele foi casado com Gertrudes Ferreira Mendes. Se você conhece Viçosa deve ter se lembrado da rua Dona Gertrudes -- trata-se de uma homenagem. A família tinha também propriedade no local, onde hoje é a rua Dona Gertrudes.


O casal teve 18 filhos, 15 dos quais estão listados a seguir (infelizmente, não conseguimos recuperar todos os nomes): (1)Alice Ferreira Mendes, (2)Antônio Alvim Ferreira Mendes, (3)Aidê Ferreira Mendes, (4)Carmem Ignês Ferreira Mendes, (5)Etelvina Ferreira Mendes, (6)Gabriel Ferreira Mendes, (7)Gentil Ferreira Mendes, (8)Gracinda Ferreira Mendes, (9)José Alvino Ferreira Mendes, (10)Juca Ferreira mendes (11)Maria Ferreira Mendes, (12)Napoleão Ferreira Mendes, (13)Nicolau Ferreira Mendes e (14)Rita Ferreira Mendes, (15)Sérvulo Ferreira Mendes.O sr. Alvino plantava abacaxi, melância, uva, cana­-de-­açú­car, feijão, milho e arroz. Ele também era proprietário de uma fábrica de vinho, uma de farinha de milho e outra de rapadura. As fronteiras da propriedade iam até onde hoje é a Vila Paraíso.

Padre Mendes

Antônio Mendes, 'Padre Mendes', era neto de Alvino Ferreira Mendes e Gertrudes. Ele era filho de Antônio Alvim Ferreira Mendes e Bárbara Simonini. Na decada de 80, ele fundou o Cenáculo do Senhor, na Fazenda Antuérpia Mineira, por onde passaram bispos e muitos padres. Uma das mesas, ainda presente na casa, foi abençoada, pois sobre nela teria dormido um bispo.A Igreja do Sagrado Coração de Jesus, no Paraíso, foi erguida sobre um terreno doado por Gracinda, uma das filhas de Alvino e Gertrudes. A própria Vila Paraíso cresceu sobre uma parcela da fazenda Antuérpia, recebida como herança e posteriormente vendida pelo proprietário.Quem nos contou essa história foi Adagmar Mendes de Freitas, neta de Alvino. Ela é casada com Almiro Lopes de Freitas, filho de Almiro Fialho de Freitas, 'Almiro Paraíso', e Amélia Lopes de Freitas.Se você conhece um pouco mais sobre a história dessa fazenda e gostaria de compartilhar suas informações, escreva para: contato@associacaodoparaiso.com.br